Header Ads

Presidente do Patriota da Paraíba comemora filiação de Jair Bolsonaro, nesta quinta-feira

O deputado federal Jair Bolsonaro assinou, na manhã desta quinta-feira (23), a ficha de filiação ao Patriota. Ele é um dos nomes cotados para disputar a Presidência da República nas eleições do próximo ano.

Quem estava presente no ato de filiação foi o presidente do Patriota na Paraíba, Julian Lemos. Na página do partido no Facebook, Julian demonstrou que a legenda está mais do que satisfeita pelo reforço do deputado carioca. “Dia importante que entrará para história, Jair Bolsonaro assina a ficha de filiação com a executiva nacional do Patriota”, afirmou.

Patriota ou Patriotas?

O “S” da discórdia. O Coronel Castro, presidente do Patriotas, partido em processo de formação desde 2015, acusa o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e o presidente do PEN – legenda já deu início ao processo para mudar o nome para Patriota – Adilson Barroso, de “roubo de nome, estelionato político e atitude usurpadora”. O Patriotas entrou com dois processos por uso indevido da marca e participa de um pedido de impugnação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra a legenda que pretender abrigar o sonho presidencial de Bolsonaro no ano que vem.

Sem as assinaturas necessárias para a formalização da sigla, Castro já havia desistido de disputar as eleições de 2018, mas trabalhava tendo 2020 como horizonte possível. Eis que em julho o telefone tocou no escritório: “Vocês fecharam com o Bolsonaro?”, perguntou um seguidor. Foi assim que Castro descobriu que o PEN (Partido Ecológico Nacional) estava mudando o seu nome para Patriota e lançando Bolsonaro como seu candidato à Presidência.

“Nós nos sentimos ultrajados. Foi uma falta de ética. O nome no singular só serve para ludibriar o eleitor. Não éramos um partido clandestino. Nosso CNPJ está registrado em Brasília e no site do TSE. Fiquei até doente. Vi todo nosso trabalho indo embora – e vários apoiadores ficando confusos”, disse.

Com informações do Estadão

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.