Header Ads

Polícia prende acusado que deixou vítima paraplégica em tentativa de homicídio na Baía da Traição


Um homem de 26 anos de idade identificado como Ramon Mendes do Nascimento, acusado de uma tentativa de homicídio foi preso por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) nesta quarta-feira (27), na PB-057, em Guarabira, em cumprimento a uma mandado de prisão expedido pela Comarca de Rio Tinto. O crime com características homofóbicas aconteceu em Baía de Traição, durante as comemorações do Réveillon deste ano, e deixou paraplégica a vítima de 22 anos, atingida com disparos de arma de fogo. Ele também é acusado de um outro homicídio registrado no mês passado e cujo corpo foi encontrado em uma praia do litoral sul do Estado.
Amigos fazem 'vaquinha' para tratamento de jovem baleado
Luciano Santos, 22 anos, vítima ficou paraplégica
O acusado foi preso por policiais da guarnição do Comando do 4º BPM, Rotam e Rádio Patrulha que receberam informações de que um homem em atitude suspeita estaria se deslocando da cidade de Araçagi para Guarabira em uma moto de cor preta e placa de Jaboatão de Guararapes, em Pernambuco. Os policiais fizeram a abordagem e, através de uma consulta ao Copom, constataram que se tratava do acusado do homicídio com mandado de prisão em aberto.

O acusado foi conduzido pelos policiais militares para a Delegacia de Polícia Civil de Guarabira. No ano passado, ele tinha sido preso suspeito de envolvimento em um outro assassinato registrado na cachoeira de Ouricuri, na cidade de Pilões.

Com PortalMídia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.